Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Renascer aos 40

Para os que depois dos 40 começam uma vida nova... e para todos os outros também... "Nascer, morrer, renascer ainda, e progredir sempre..., tal é a lei."

Renascer aos 40

Para os que depois dos 40 começam uma vida nova... e para todos os outros também... "Nascer, morrer, renascer ainda, e progredir sempre..., tal é a lei."

O milagre do amor...

"Quando a dúvida chegar, maldosa, perguntemos ao amor qual a conduta a seguir. 

Quando a saudade se avizinhar, tentando esmagar o coração, refugiemos-nos no amor e deixemos que as recordações felizes iluminem a noite em que nos encontramos. 

Quando a aflição nos atordoar o íntimo, chamemos o amor, para que a calma e a confiança predominem nas nossas decisões. 

Quando a suspeita procurar aninhar-se nos nossos corações, dirijamos o pensamento ao amor e a paz dominará as paisagens dos nossos sentimentos. 

Quando a raiva se abeirar da nossa emotividade, recordemos o amor e uma suave balada de entendimento será ouvida na acústica da alma. 

Quando o abandono ameaçar estraçalhar-nos os sonhos, ferindo-nos a alma, procuremos o amor, que nos dará força para prosseguir, embora a sós. 

Em qualquer situação, dirijamos-nos ao amor. 

Só o amor possui o correcto entendimento de todas as coisas e fala, em silêncio, a linguagem de todos os idiomas. 

O brilho de um olhar... 

Um sorriso de esperança... 

Um gesto quase imperceptível... 

Um movimento rítmico, um sinal... 

A presença do ausente... 

Um toque... 

A música de uma palavra, só o amor permite transformar em bênção. 

Feito de pequenos nadas, o amor é a força eterna que embala o príncipe no leito dourado e o órfão na palha húmida. 

O amor é o único mecanismo que conduz o fraco a tarefas gigantescas... 

Que impulsiona o progresso real; que dá dignidade à vida; que impulsiona ao trabalho... 

Que concede alento, quando a morte parece dominar soberana... 

O amor é vida, sem o qual perderia o sentido e o significado. 

Quando se ama, a noite coroa-se de astros e o dia veste-se de sorrisos. 

O amor pinta a palidez do sofrimento e elimina-o. 

Sem este milagre, que é o amor, não valeria a pena viver! 

Descubramos o amor, e amemo-nos.

Amemos e felicitemo-nos, colocando na estrada do amor sinais de luz, a fim de que nunca mais haja sombra por onde o amor tenha passado a espalhar claridade."

 

O amor é de essência divina, e todos nós, do primeiro ao último, temos, no fundo do coração, a esplendor desse fogo sagrado. 

Portanto, não tenhamos medo de amar!!!